02/04/2020 10h50 - Atualizado em 02/04/2020 11h11

Secti articula com Academia e Indústria combate a Covid-19

Foto: Pexels

A Secretaria faz parte do Centro Integrado de Comando e Controle do Governo do Estado.

A Secretaria da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti) participa do Centro Integrado de Comando e Controle de Enfrentamento a Pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), do Governo do Estado. O Centro, que subsidia a Sala de Situação de Emergência em Saúde Pública, se reúne diariamente para debater políticas públicas que criem soluções para a pandemia da doença.

De acordo com a secretária da Ciência e Tecnologia, Cristina Engel, a parceria entre os setores acadêmico, industrial e o Governo do Estado é fruto do trabalho desenvolvido pela Secti em 2019. “Um fator fundamental, que eu acho importante ressaltar, é que o que está sendo feito agora é resultado do que foi feito em 2019. No ano passado nossa ação, junto a Mobilização Capixaba Pela Inovação (MCI), foi essencial. Isso porque, o principal discurso de 2019 foi sobre a necessidade de conexão entre as partes, principalmente, das empresas, do setor produtivo, das instituições, da Academia e do Governo”.

“Quando a pandemia chegou no Estado foi a hora de nós colocarmos em prática aquilo que estava sendo discutido e, até certo ponto, estava acontecendo em um ritmo lento. Eu fiquei satisfeita de ver algumas respostas em relação a esse trabalho feito em 2019”, completou a secretária.

Cristina Engel também ressaltou o papel da Secretaria no combate ao novo Coronavirus: “A Secti tem um papel muito importante em possibilitar essas articulações. Por exemplo, estão sendo feitos os escudos faciais para profissionais de saúde pela Ufes. Nós tivemos muitas ofertas, de diferentes instituições e empresas, oferecendo ferramentas e materiais para a produção dos escudos. E agora a gente está conseguindo viabilizar essa união de esforços e de conhecimento da academia, a capacidade de produção da indústria e o envolvimento das várias instituições que estão trabalhando em uma verdadeira rede”.

A Secretaria também trabalha, em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), para criar um canal padronizado para que as empresas, instituições e pessoas que queiram contribuir com o trabalho do Governo do Estado para conter a pandemia. “Temos recebido uma quantidade enorme de propostas e ideias de soluções. Tem muita gente com ideias de aplicativos e coisas ligadas as áreas de tecnologia da inovação, processos e serviços. Pensando nisso, nós estamos organizando uma forma para que essas pessoas possam ser ouvidas e que elas tenham como chegar até o Centro Integrado de Comando e Controle de Enfrentamento a Pandemia do novo Coronavírus (Covid-19)”, pontuou.  

Texto: Samantha Nepomuceno

 Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação da Secti

Samantha Nepomuceno

(27) 3636-1822 / (27) 3636-1819

samantha.goncalves@secti.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard