30/10/2019 18h38 - Atualizado em 31/10/2019 11h41

Qualificar ES forma mais de sete mil pessoas na 2ª oferta de vagas do Programa

Foto: Hélio Filho/Secom

Mais de sete mil pessoas concluíram os cursos presenciais, semipresenciais e on-line de qualificação dentro da segunda oferta de vagas do Programa Qualificar ES. A solenidade de formatura para os formandos dos cursos presenciais aconteceu na tarde desta quarta-feira (30), na Fábrica de Ideias, em Vitória. A cerimônia teve a participação do governador Renato Casagrande, que também anunciou o projeto Acreditar ES, uma linha de crédito voltada aos alunos do Qualificar ES para financiamento de novos empreendimentos.

Casagrande destacou que cerca de 50 mil pessoas já foram atendidas este ano pelo Qualificar ES. A meta é que sejam oferecidas 170 mil vagas em cursos presenciais, semipresenciais e on-line gratuitos até 2022. “É a oportunidade de gerar na juventude a chance de uma vida melhor, com mais qualidade de vida. A qualificação não é garantia de um emprego melhor, mas sim um passaporte para o emprego. E a educação tem esse papel de ser o caminho para que a gente possa dar oportunidades as pessoas”, afirmou.

O governador pontuou ainda que a construção de uma sociedade mais justa passa pela educação, sobretudo, em um País com tanta desigualdade social. “Esse é o papel do nosso governo através do Qualificar ES. A formação contribui para que tenhamos esse ambiente empreendedor. Às vezes a pessoa não consegue um emprego no mercado de trabalho, mas está formando para abrir seu próprio negócio”, destacou.

Realizado pela Secretaria da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti), o Qualificar ES foi lançado em maio deste ano e disponibilizou, na 2ª oferta de vagas, mais de nove mil oportunidades em 53 opções de cursos presenciais, semipresenciais e on-line de diversas áreas profissionais. Os cursos têm foco na empregabilidade, no empreendedorismo e na inovação.

Nos oito municípios que receberam cursos presenciais, o número de formados é de, ao todo, 4.392 alunos. Só em Cariacica, por exemplo, foram 1.357 formados. Nos cursos on-line, o número é de 2.601, enquanto na modalidade semipresencial, 134 estudantes concluíram os cursos. Ao todo, 7.127 capixabas formaram-se nesta segunda oferta. Um terceiro edital de seleção já foi lançado.

Financiamento

Já o projeto Acreditar ES tem o objetivo de fomentar o empreendedorismo e a economia criativa, além de contribuir para a inclusão social dos trabalhadores por meio da qualificação profissional. A iniciativa é uma parceria entre a Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes) e a Secti. Será disponibilizada uma linha de crédito de até R$ 3 mil, com até 30 meses para pagar e taxa de 1,1% a.m. Para ter acesso ao benefício, o aluno deve apresentar um plano de negócios.

A secretária da Ciência e Tecnologia, Cristina Engel, salientou o compromisso do Programa com a ampliação da profissionalização gratuita e de qualidade para os capixabas: “A formatura de alunos de mais uma oferta do Qualificar ES reforça nosso empenho em profissionalizar a população capixaba para atuação no mercado de trabalho, seja ocupando espaço em vagas de emprego ou gerando renda por meio do empreendedorismo“, disse.

Cristina Engel também ressaltou a importância do Acreditar ES como projeto específico a alunos do Qualificar ES. “Com o projeto, nós ampliamos as oportunidades de geração de renda aos alunos do Programa e contribuímos para a inserção deles no mundo do trabalho. Nosso objetivo é oferecer condições vantajosas para o crescimento de empreendedores iniciantes, além da qualificação profissional”, assinalou.

Formatura

A oradora da cerimônia foi a formanda do curso de Auxiliar de Departamento Pessoal, Thais Jardim, de 33 anos. A moradora de Vila Velha estava há três anos fora do mercado de trabalho, mas as aulas de gestão de negócios e de empreendedorismo ampliaram sua visão sobre as possibilidades de atuação profissional e de geração de renda.

“No curso, aprendi sobre empreendedorismo e percebi que podia transformar meu hobby, que é a fotografia, em uma atuação profissional para gerar renda. Desde então, já fotografei alguns eventos, como um aniversário e um casamento. Quero continuar buscando conhecimento e me qualificando para, então, me formalizar e desenvolver minhas habilidades”, comentou Thais Jardim.

Ela acrescentou que realizar o curso também a ajudou em sua vida pessoal. “Eu aprendi a entender melhor o comportamento das pessoas e pude desenvolver a minha inteligência emocional. A experiência me proporcionou um outro olhar sobre minhas relações sociais, inclusive com a minha família e os meus amigos”, disse a formanda.

Informações à imprensa:
Assessoria de Comunicação do Governo
Giovani Pagotto
(27) 98895-0843

Assessoria de Comunicação da Secti
Samantha Nepomuceno
(27) 3636-1822 / (27) 3636-1819
samantha.goncalves@secti.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard