27/09/2019 16h41

Bairros da Grande Vitória recebem mutirões para inscrição no Qualificar ES

Mais de 800 moradores de Vitória e Vila Velha se inscreveram por meio dos mutirões.

A Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti) realizou mutirões de inscrição para o Programa Qualificar ES em Vitória e em Vila Velha. A iniciativa teve como objetivo ampliar o acesso dos cidadãos à inscrição no Programa. Em Vitória, a ação aconteceu nos dias 24 e 25 de setembro nos bairros que formam a Grande São Pedro e a Grande Goiabeiras. Em Vila Velha, a ação aconteceu nos bairros da Grande Terra Vermelha nos dias 26 e 27 de setembro.

A gerente de educação profissional da Secti, Renata Resstel, salientou a importância da aproximação com as comunidades dos bairros dos mutirões para a democratização do acesso à inscrição. “Mesmo com inscrições online, reconhecemos a dificuldade de algumas pessoas em relação ao acesso à internet. Foi de suma importância realização desse ato, tivemos vários relatos de agradecimento da comunidade”, comentou.

A estudante Raiane Fernandes, de 16 anos, realizou a inscrição no mutirão da Grande São Pedro, em Vitória. Ela busca qualificação para o primeiro emprego e se inscreveu pela primeira vez no Qualificar ES. “Decidi me inscrever no curso de Design de Sobrancelhas para trabalhar no salão da minha tia, mas também me inscrevi no curso de Recepcionista, para buscar uma vaga na área”, afirmou.

Para outras pessoas com mais experiência profissional, o Qualificar ES é a chance de reinserção no mercado de trabalho. Este é o caso de Lorena Andrade, de 29 anos, que trabalhou durante oito anos como assistente de farmácia, mas está desempregada há dois meses. A moradora de Vila Velha compareceu ao mutirão da Grande Terra Vermelha e se inscreveu no curso de Balconista de Farmácia.

“Embora eu já tenha experiência na área, falta o mais importante: a certificação de que tenho conhecimento necessário para atuação, além das habilidades. Espero adquirir conhecimento e agregar valor ao meu currículo após a conclusão do curso para, assim, conseguir uma oportunidade de trabalho”, explicou.

Lorena Andrade também destacou como a iniciativa a ajudou para a realização da inscrição no curso. “Eu achei muito interessante (o mutirão). Tenho internet em casa, mas não tenho um computador. Além disso, o mutirão é muito bom para tirar dúvidas sobre o Programa e os cursos”, contou.

Vagas com inscrições ainda abertas

Quem busca qualificação para atuar no mercado de trabalho, seja em uma oportunidade de emprego, seja empreendendo, ainda pode realizar inscrição para cursos do Qualificar ES. O período de inscrição acontece em três etapas:

  • 1ª etapa: até 08 de outubro, para os municípios de Guarapari, Serra, Vila Velha e Vitória;
  • O município de João Neiva participa nesta primeira etapa, mas as inscrições terminam na próxima segunda-feira (30);
  • 2ª etapa: entre 1º e 14 de outubro, para os municípios de Cariacica, Santa Leopoldina e Viana;
  • 3ª etapa: somente para cursos semipresenciais e on-line, entre 7 e 16 de outubro, para todo o estado.

Além dessas vagas, o Programa também oferece cursos para públicos específicos do estado:

  • Qualificar ES Mulher: até 08 de outubro para as mulheres de Vitória e Vila Velha; de 01 a 14 de outubro para as moradoras de Cariacica, Conceição da Barra e Santa Leopoldina;
  • Qualificar ES Indígena: de 01 a 14 de outubro para os indígenas de Aracruz.

A Secti oferece mais de 16,6 mil vagas em cursos presenciais, semipresenciais e on-line. Os cursos presenciais são oferecidos em 10 municípios nesta da 3ª oferta do Programa e, nos cursos a distância e semipresenciais, a oferta traz novidades: cursos inéditos on-line, curso semipresencial para os profissionais da educação do município de Montanha, no nordeste do Estado, e curso semipresencial aberto para toda população da Grande Vitória.

 

Informações à imprensa:

Assessoria de Comunicação da Secti

Samantha Nepomuceno

(27) 3636-1822 / (27) 3636-1819

samantha.goncalves@secti.es.gov.br

 

 

 

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard